Censo 2022 pode reduzir tamanho da bancada federal da Paraíba


Foto: Bruno Spada/Câmara

Os dados populacionais captados pelo Censo 2022 do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) deverão pressionar a mudança na distribuição de vagas na Câmara Federal.

Segundo levantamento realizado pelo Jornal ‘Folha de São Paulo’ e pelo Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar (Diap), a nova configuração populacional poderá implicar na mudança nas bancadas de 14 estados.

Sete estados, entre eles a Paraíba, perderiam vagas de deputado federal, enquanto outros sete ganhariam mais representatividade na Câmara Federal.

Paraíba, Bahia, Rio Grande do Sul e Piauí perderiam 2 vagas. Alagoas e Pernambuco ficariam com uma cadeira a menos. Rio de Janeiro teria a maior perca: quatro assentos na Câmara.

A Paraíba tem atualmente 12 deputados federais e ficaria com 10 parlamentares a partir das eleições de 2026, caso a mudança seja efetivada.

De acordo com a Constituição, a distribuição de vagas na Câmara Federal deve obedecer à proporcionalidade populacional de cada estado.

O tema é polêmico e deve ter forte oposição dos estados prejudicados. A atualização das bancadas não é realizada desde 1993.

Postar um comentário

1 Comentários

  1. De fato mesmo era pra ser diminuído em todos estados isso porque ta provado que político no Brasil na sua maioria só dá despesas e nós população ficamos a ver navios, em relação aos serviços públicos que são altamente deficitário em particular na saúde, educação etc

    ResponderExcluir